Diagnóstico e Estadiamento do Câncer do Colo do Útero

Diagnóstico 

O diagnóstico do câncer do colo do útero é feito através de biópsia, durante um exame físico ginecológico, com auxílio do exame de colposcopia, após se detectar um achado suspeito no exame clínico ou nos exames de rastreamento.

Diagram

Description automatically generated

Estadiamento
 
Sempre que uma mulher é diagnosticada com câncer do colo do útero, é necessário que a se investigue qual a extensão do tumor no colo e se o câncer se espalhou para órgãos próximos, como bexiga e reto, gânglios linfáticos (linfonodos) da pelve e do abdome, ou para órgãos mais distantes, como fígado e pulmões.
 
Para tanto, será necessária a realização de exame físico detalhado e exames de imagem adicionais como raio-X, tomografia computadorizada e ressonância nuclear magnética, para uma avaliação mais completa. Este processo é chamado estadiamento. Em alguns casos, o estadiamento preciso do câncer só ocorre após uma cirurgia.
 
O estágio do câncer é um dos fatores mais importantes para definir qual o melhor tratamento e quais as chances e sucesso. O sistema de estadiamento utilizado para os tumores do colo do útero é o sistema da Federação Internacional de Ginecologia e Obstetrícia (FIGO). Os estágios do câncer do colo do útero são classificados de I a IV, conforme a tabela abaixo. Como regra geral, quanto maior o número, mas avançado é o câncer.
Internacional de Ginecologia e Obstetrícia (FIGO) e American Joint Committee on Cancer (AJCC).

Inscreva-se em nossa newsletter

Fique por dentro de todas as notícias e novidades do portal EVA

Compartilhe esse conteúdo

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Conteúdo Relacionado

Colo de Útero

Tratamento do Câncer do Colo do Útero

Tratamento – Visão Geral  O tratamento do câncer do colo do útero depende do estágio em que é diagnosticado. Em estágios iniciais, envolve cirurgia, por